Estudante mossoroense representará o Brasil em competição internacional

A mossoroense Juliana Almeida representará o Brasil na WorldSkills Americas, competição que reúne os melhores estudantes da educação profissional do continente americano. O torneio será realizado no mês de abril, na Colômbia.

 

Aluna do curso de Cabeleireiro do Senac, ela participou de seletiva nacional, nesta semana, competindo pela vaga com estudantes do Ceará e Rio Grande do Sul. Na ocasião, passou por uma série de provas, a partir de padrões internacionais de qualidade, e foi avaliada por um júri formado por instrutores especialistas no segmento de beleza. Os vencedores foram anunciados na noite de ontem (29), em solenidade realizada na Casa do Comércio, na Bahia.

 

“O nível dos competidores estava muito alto e as provas foram bem difíceis, mas acredito que o meu cuidado com os detalhes foi o principal diferencial”, avaliou a representante brasileira.

 

A estudante passou por um intenso período de treinamentos, desde agosto do ano passado, quando ganhou a etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento. “A média diária era de 10h de treinamento, de segunda a sábado. Este foi um período de dedicação total ao meu objetivo e estou muito feliz com o resultado. Sei que é uma grande responsabilidade representar o Brasil, mas me sinto preparada com o acompanhamento que recebo do Senac. Vou continuar focada para tentar trazer o ouro para o nosso País”, disse.

 

Residente da comunidade da Maísa, zona rural do município de Mossoró, Juliana Almeida mora com os pais. Seu primeiro contato com o Senac foi através de uma ação extensiva que levou atendimentos na área de beleza à sua localidade. Ela diz que, desde cedo, seu sonho era trabalhar na área de beleza. A jovem de 20 anos viu seu desejo começar a tornar-se realidade quando obteve uma bolsa para estudar na instituição, através do Programa Senac de Gratuidade (PSG).

 

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Sesc e Senac, Marcelo Fernandes de Queiroz, avalia que este resultado reflete o nível de excelência da capacitação oferecida pelo Sistema Fecomércio no Rio Grande do Norte. “Estamos formando uma nova geração de jovens profissionais sintonizados com as necessidades do mercado, de acordo com padrões internacionais de qualidade. Esse tipo de reconhecimento em âmbito nacional mostra que estamos no caminho certo”, disse.

 

Para o Diretor Regional do Senac, Helder Cavalcanti, a seleção da estudante potiguar revela ainda o alto padrão dos profissionais da instituição. “Nosso corpo técnico é formado por profissionais experientes e preparados para o ensino. São eles que repassam o conhecimento e acompanham nossos alunos, garantindo um aprendizado diferenciado”, afirmou.

 

Helder Cavalcanti ainda destaca que esta será a segunda vez que o Senac/RN representará o Brasil na WorldSkills Americas. “Esperamos repetir o bom resultado de 2012, quando obtivemos a medalha de ouro”.

 
Sobre a WorldSkills Americas (WSA)
 

A WSA é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que tem como principal objetivo propiciar a melhoria de qualidade da educação profissional, por meio do intercâmbio entre os países da América do Norte, América Central, Mar do Caribe e América do Sul, envolvendo governos, indústrias, comércio e instituições de educação profissionalizante. A cada dois anos, a entidade realiza uma competição voltada para a formação profissional em um de seus países membros.