Presidente Marcelo Queiroz visita obras do Hotel Escola Senac Barreira Roxa

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, fez uma visita, na tarde desta quarta-feira, 2 de maio, às obras do Hotel Escola Senac Barreira Roxa, localizado na Via Costeira, em Natal, cuja reinauguração deve acontecer ainda este ano. Os detalhes da obra foram apresentados pelo engenheiro responsável Bernardo Gaspar e pelo empresário Arnaldo Gaspar, dono da construtora que toca a obra.

Também participaram da visita o vice-presidente da Fecomércio, Gilberto Costa; o diretor Executivo da Fecomércio, Jaime Mariz; o diretor Regional do Senac, Fernando Virgilio; a diretora Administrativo-financeira do Senac, Rafaela Sampaio; e a diretora de Educação Profissional do Senac, Lucinete Araújo.

Orçada em cerca de R$ 27 milhões (entre obras e equipamentos), a reforma do hotel e da escola contempla a modernização da estrutura e construção de novos espaços, como adega, bares, espaço kids, café, salão de jogos e academia de ginástica. Além disso, todas as 52 suítes, a área de lazer e o centro de eventos serão inteiramente reformados e ganharão novos equipamentos e mobiliário. O Barreira Roxa terá capacidade para acomodar até 150 leitos e eventos para cerca de 300 pessoas.

Estão sendo gerados aproximadamente 200 empregos diretos na fase de obra e serão cerca de 60 postos de trabalho após a inauguração. O empreendimento será executado atendendo todos os critérios e recomendações quanto à acessibilidade, sustentabilidade e redução do impacto sobre o meio ambiente. Haverá, por exemplo, o reaproveitamento da água da chuva em usos nos quais não se exige potabilidade; bem como acesso a portadores de deficiências aos ambientes por meio de piso podotátil e sinalização específica.

O Senac RN capacita cerca de três mil pessoas na área de turismo, hospitalidade e lazer. Ferramenta fundamental para o eixo, o Hotel Escola Senac Barreira Roxa permitirá que os alunos do Senac vivenciem a rotina do trabalho, com clientes e desafios reais, dentro de um ambiente monitorado, permitindo formação mais sólida, com avaliação ainda mais ampla.