Fecomércio RN participa da inauguração da Casa do Empresário em Santa Cruz e apresenta pesquisa de público da festa de Santa Rita de Cássia

Levantamento sobre o público do evento mostrou gastos individuais diários que variam de R$ 21 a R$ 102 e avaliação excelente do evento e infraestrutura

“União” foi a palavra mais usada durante a inauguração da Casa do Empresário em Santa Cruz, na noite desta quinta-feira (14). Unir o empresariado e fortalecê-lo é a missão do espaço, que resulta de parceria entre Fecomércio RN, FCDL RN, CDL Santa Cruz e Sindivarejo Santa Cruz.

A ocasião também foi para apresentação da pesquisa realizada pela Fecomércio, por meio do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC), sobre o perfil dos participantes da edição 2017 da festa da padroeira, Santa Rita de Cássia, em 2017.

Na opinião do presidente do sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, é desse esforço coletivo que a economia precisa para retomar o crescimento. Sobre a Casa, considera um lugar “para acolhimento de todos que trabalham arduamente pelo progresso da cidade e do estado”.

“Juntos, CDL e Sindivarejo somarão esforços, ações e atividades que, não tenho dúvidas, serão cruciais para a economia de Santa Cruz”, completou.

O presidente da CDL Santa Cruz, Marcelino Menezes, vê a novidade como uma “conquista” do empresariado local. E convidou os presentes na inauguração para que continuem em contato. “Aqui é para vocês usufruírem, com salas para reuniões e atendimentos. Queremos vocês perto desta casa”, disse.

O comércio é fatia importante da economia local. De acordo com o presidente do Sindivarejo Santa Cruz, Márcio Macedo, o varejo corresponde a 64% da renda do Trairi.

Com esse dado em mente, o presidente da FCDL RN, Afrânio Miranda, disse que “o futuro do país está no empreendedorismo” e que tem satisfação em ver que os santacruzenses se empenharam e conseguiram lugar de destaque na economia potiguar.

O vice-prefeito da cidade, Ivanildo Ferreira, e o pároco Vicente Fernandes marcaram presença no evento, que contou ainda com assinatura de convênio entre Sindivarejo e Maçonaria para renovação de parceria que viabiliza projeto de escola de Karatê em Santa Cruz.

Pesquisa 

A festa de Santa Rita de Cássia é tradição em Santa Cruz e figura nos calendários religioso, social, cultural, turístico e econômico da cidade. O Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC), ligado à Fecomércio RN, realizou pesquisa sobre o perfil dos participantes do evento, com apoio da Prefeitura Municipal, para que o município possa planejar as próximas edições da festa da padroeira com ainda mais eficiência.

Dos resultados mais significativos, destacam-se os gastos individuais diários dos participantes (R$ 21,64 para os moradores da cidade; R$ 43,45 para os visitantes, que são aqueles que não pernoitaram; e R$ 102,13 para os turistas) e a nota geral dada pelos entrevistados – uma média de 9,36. O Instituto chegou a esse número pedindo que 500 pessoas avaliassem oito itens: Santuário; lojas de artigos religiosos; urbanização/calçamento/iluminação; comércio local; locais de alimentação; meios de hospedagem; limpeza pública; segurança.

O levantamento mostra ainda dados sobre o perfil (origem, sexo, idade etc.) dos participantes, as razões que os levaram a participar da festa e o grau de satisfação com os serviços públicos utilizados durante o evento.

Outro resultado que chama atenção é a intenção de retorno à festa. Exatos 98,1% disseram que pretendem estar na cidade durante os festejos em 2018, enquanto 1,9% respondeu “talvez”. Ninguém disse que “não participaria”.

A pesquisa foi realizada entre os dias 18 e 22 de maio de 2017. Confira o resultado do levantamento na íntegra:

Perfil dos Participantes dos Festejos de Santa Rita de Cássia