Sempre participante nos planejamentos e discussões para medidas de controle e investimento na retomada da Economia do RN pós-Covid 19, o Sistema Fecomércio RN disponibilizou, por meio do Senac RN, mais de 1.800 vagas para cursos online gratuitos voltados aos profissionais dos segmentos abordados no Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica do RN.

Inicialmente, foram disponibilizadas 850 vagas, beneficiando Creches e Escolas, Escritórios, Lojas, Estabelecimentos de Beleza e Estética, Shoppings e Praças de Comércio, Estúdios de Pequeno Porte e Personal Trainers, conforme apresentado pelo presidente do Sistema Fecomércio RN, em reunião online com a Governadora do Estado, Fátima Bezerra e autoridades competentes.

Queiroz explicou que foram elaborados seis cursos que abordam de maneira multidisciplinar as diretrizes gerais de saúde conforme orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), bem como a utilização dos equipamentos de proteção individual. A humanização do atendimento e ferramentas para adequação dos pequenos negócios para a nova realidade de mercado também são temas contemplados nas capacitações.

O Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica do RN é um documento construído em uma ação liderada pelas Federações do Comércio, das Indústrias, da Agricultura, dos Transportes, e Sebrae, com o apoio da FCDL RN, da Facern e da Associação Comercial do RN, que instituíram um grupo de trabalho com representantes de suas equipes técnicas, além de representantes das Secretarias de Tributação e Desenvolvimento Econômico do RN, da Agência de Fomento do RN, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, e da Thémata Consultoria.

O documento obteve parecer técnico favorável do Comitê de Especialistas da Secretaria Estadual de Saúde Pública, devendo ser utilizado pelo Governo do RN. O estudo prevê a retomada gradual das atividades consideradas não essenciais, e apresenta uma proposta em três etapas e outra em quatro etapas, com intervalos de 10 a 15 dias entre uma outra, e que podem variar de acordo com o acompanhamento da curva de contaminação pelo Coronavírus.

“Apresentamos o Plano de Retomada Gradual da Atividade Econômica do RN, em uma ação das federações patronais juntamente com diversas entidades do nosso estado e agora, com a disponibilização das capacitações, reforçamos nosso compromisso para o retorno das atividades com a segurança e responsabilidade que o tema requer”, avalia o presidente do Sistema Fecomércio.

Os cursos serão ofertados através do Programa Senac de Gratuidade (PSG), que é mantido por recursos da contribuição compulsória das empresas de médio e grande portes para o Senac. A previsão é de que a entidade fará um investimento superior a R$ 850 mil com esta iniciativa.

Retomada do Turismo

Também presente na construção do Plano de Retomada do Turismo – elaborado em conjunto por sete entidades e que prevê uma série de ações integradas para garantir a saúde pública e organizar a retomada gradativa do turismo local – o Sistema Fecomércio, tem atuado incisivamente na iniciativa, oferecendo um programa de treinamento focado em capacitar os envolvidos na cadeia produtiva do turismo, habilitando-os para implementação das normas de biossegurança exigidas no documento.

Na fase inicial, estão sendo oferecidas outras 1.000 vagas em cursos online gratuitos no Senac RN aos profissionais que atuam nos segmentos relacionados à atividade turística, tais como: Meios de Hospedagem; Alimentos e Bebidas; Serviços Receptivos, Espaços e Equipamentos de Lazer e Visitação.

“Nossa equipe técnica esteve diretamente envolvida na construção do Plano Básico de Segurança Sanitária do Turismo, e, paralelamente, elaborou o Programa de Cursos, que é uma das entregas previstas no desenvolvimento do projeto. Este é um grande diferencial para os empresários e profissionais do segmento, que poderão se habilitar para a implementação das normas de biossegurança, exigidas no documento, para o pleno funcionamento das atividades no contexto pós-Covid 19”, ressalta Raniery Pimenta, diretor regional do Senac RN.

A secretária de turismo do RN, Ana Maria Costa, destaca o diferencial competitivo que o estado passa a obter com a ação. “O Sistema Fecomércio RN tem sido um grande parceiro do estado. Quando pensamos em construir um plano de segurança sanitária para o turista e trabalhadores do setor, contatamos o presidente Marcelo Queiroz que, de pronto, nos atendeu, disponibilizando uma equipe valorosa para que juntos construíssemos o plano de retomada, tendo como grande diferencial o treinamento dos agentes de turismo de forma gratuita. Até o momento somos o único estado com esse diferencial e isso nos torna mais competitivos em relação a outros destinos. Em um futuro breve, a economia e o setor verão os resultados da generosidade, espírito público e consciência da Fecomércio RN”, declarou a secretária.

O Plano do Turismo é uma iniciativa liderada pela Secretaria Estadual do Turismo (Setur), em parceira com o Sistema Fecomércio RN, por meio do Senac, a Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN (ABIH-RN), Sindicato das Empresas de Turismo do Rio Grande do Norte (Sindetur RN) e a Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária do RN (Suvisa RN).